18 setembro 2017

NÃO JULGUE O COLEGUINHA DO LADO!


Julgar/espalhar boatos/fazer uma imagem ruim



Ultimamente tenho pensando bastante em como todo dia tem problemas diferentes, problemas que tiram nossa paz, na maioria das vezes não sabemos como lidar, dificuldades que só quem passa sabe, não falamos para ninguém e tentamos resolver sozinhos levando com sorriso bem grandão no rosto, olha, não que devemos mostrar para todo o mundo o quão tal problema está nós afogando, isso não... Mas quero falar de algo que acontece muito, que é o fato de julgarmos alguém, desejar o mal e no final, nunca nem cumprimentamos tal pessoa na vida ou falamos com essa pessoa alguma vez, apenas conhecemos de vista.

Todo mundo diz julgue menos, mas será que fazemos o que falamos? Infelizmente, me pego julgando alguém e desejando coias ruins, por algo que na minha visão, merece sofrer e sofrer, então percebi o quanto idiota eu estava sendo, porque, quem sou eu pra ficar dando sentença a alguém pelos erros? Fiquei vergonhosa com o que eu pensei naquele momento e comecei a mudar a maneira de como vejo as pessoas, as que estão mais perto de mim e as que só vejo de longe, então percebi que cada um tem os seus problemas, eles sofrem tentando alcançar seus objetivos, metas e nós aqui de fora não entendemos, só entendemos o que acontece na nossa vida, as nossas próprias dificuldades, as tentativas de vencer.

Não importa o quanto aquela pessoa errou na vida, que tal sermos alguém que podemos ajudar ao invés de julgar? talvez o que leva uma pessoa a tirar sua própria vida seja esse julgamento que comentemos diariamente, o mundo já está tão ruim, vamos estender a mão para abraçar e não empurrar alguém para o buraco, vamos ser diferentes em meio toda essa mesmice. Quando ajudamos alguém e vemos que deu certo, a sensação é maravilhosa, já passou por isso? Eu já, e é gratificante saber que temos capacidade de ajudar e acolher pessoas.

Vamos sair dessa ideia que precisamos ditar o erro de alguém, que somos melhores que todos, você, eu, precisamos de socorro também, eu não gostaria que todos me olhassem estranho ou ficassem me julgando por um erro e você gostaria?
Saiba que Jesus também é o cara nesse assunto, tu erra mil vezes e ele não te olha estranho ou logo te condena, ele te perdoa e ainda chama de amigo, ele é incrível, fica a dica.

ps: deixarei uma música da Marcela Tais que fala muito sobre o assunto que falei hoje e de se apaixonar!


beijinhos e até o próximo post.

0 comentários:

Postar um comentário