16 agosto 2017

CASEI | TRAÇANDO PLANOS parte 2

a primeira foto que postei nas redes sociais como casada!

Oi genteeee! Estamos no segundo post da tag casei, o primeiro post está aqui no blog, só você dá uma olhada caso não tenha lido, lá falei como tudo começou 💙

De início fomos atrás de um caderninho que serviria para anotar TUDO, pra gente não esquecer e também ter lembranças dos preparativos, até porque não queríamos esquecer de como tudo começou, foi ai que encontramos um bem fofo, que é até da Tinker Bell (era o único mais lindinho e não tão caro) e nesse caderninho começamos a escrever todos os detalhes de como iria ser e o que iríamos fazer para o casamento, lá tem  lista de todos os convidados, preços de coisas que pesquisamos, tipo, bolo, doces, roupas, bases, tecidos, flores etc.  
Olha esse é o caderninho do 'Projeto de Casamento Marcos e Cleice'

ps: faltou os adesivos no caderninho
Logo depois fizemos uma contagem regressiva desde os 94 dias que antecipava o dia 26 de maio e todo dia o Marcos ia colando uma folhinha amarela no caderno, com a contagem.

💛
O casamento ia ser simples, por conta da condição financeira, sim, não tínhamos muito não, nós casamos pela fé mesmo e nada melhor que começar um relacionamento baseado na fé. Logo fomos fazer a lista dos convidados, a maioria seria só da família que é um pouco grande, e convidamos alguns amigos, que no total dava mais de 100 pessoas, então trabalhamos em cima desse número, mesmo suspeitando que não vinham todos, pois uns moravam no interior e era complicado de vim e tudo mais.
Logo mais resolvemos o casamento civil no cartório, questão de documentos, pagamento, data, hora, fizemos isso com quase 1 mês antes do dia, é algo que todo mundo deveria fazer, porque as vezes é complicado essa questão de documentação, mas o nosso foi tudo tranquilo pois fizemos com bastante tempo e nem tivemos preocupações enquanto a isso.
Hora de escolher um local, decoração, vestido de noiva e comida. 
A ideia era fazer um almoço bem aconchegante, comidas simples que comíamos quase todo dia, para os convidados ficarem bem a vontade e comecem bem.
Só um detalhe, em todas em decisões era aberto a assembleia com minha família hahah (quem leu o primeiro post vai entender)
  • O casamento seria em um sitio maravilhoso aqui na cidade, dá até vontade de morar lá
  • O vestido encontramos em uma loja super fofa aqui mesmo em Bragança, modelo bem top e não custou os olhos da cara.
  • A parte que eu mais pensei foi a decoração, planejei tantos detalhes e cheguei a conclusão que seria rústica, tinha tudo haver com sitio, foi então que comecei a pirar no Pinterest e queria fazer tudo de lá, inclusive me inspirei muito em um clip maravilinho, que é esse aqui ó:

Vocal Livre - Eles se amam


  • Decidimos o modelo do convite também
  • Sabe as lembrancinhas? pois é, fiz várias coisinhas diferentes, queria encher os convidados de amô e carinho.
E assim começamos a colocar mão na massa, parece bem louco, mas fizemos tudo em 3 meses, seria 4 contando o mês do casório, pintamos, cortamos, andamos de um lado para o outro, choramos, rimos, fizemos piadas, ficamos com a cabeça a ponto de explodir, pensei em desistir e casar só no cartório, reanimamos, foram os 3 meses mais longos da vida, foi um casamento que a gente realmente fez, participamos de tudo até o dia anterior do casamento estávamos lá, mesmo cansados, esta vamos de pé. E olha, valeu a pena toda dor de cabeça, foi incrível, tomara que muita gente passe um dia por isso e sinta essa leveza que o amor trás. 

ps: você só irá sentir essa leveza, quando for o amor verdadeiro, não um conto de fadas, um conto humano mesmo, com erros/chatices e gentileza/carinho, porque,

'Quando é amor

A gente perde os nossos medos

Conta todos os segredos

Dura mais que só um beijo
Quando é amor
O abraço vira o lar
Já não querem se soltar

Querem logo é se casar' 
Marcela Tais

beijinhos e até o próximo post.

2 comentários: